Quero me mudar para Eslovênia! Quanto é o custo de vida? Eu encontraria emprego? Quais são as dificuldades?

Quero me mudar para Eslovênia? Quanto é o custo de vida? Eu encontraria emprego? Quais são as dificuldades?
Esta pergunta foi feita por vários visitantes do blog.

Tenho dificuldade em responder este tipo de pergunta porque não conheço pessoas que vieram “tentar a vida” aqui. Minto, conheço apenas um brasileiro que veio procurar emprego na Eslovênia, ele tem cidadania eslovena, mas ele enfrentou dificuldades e hoje não mora mais no país.

A grande maioria dos brasileiros(as) que conheço são casados com eslovenos(as). Há também os esportistas (jogadores de futebol, vôlei, professores de capoeira, jiu-jítsu), os que vieram aqui para cursar o nível superior e os que  foram contratos por empresas eslovenas. Conheço duas brasileiras que vieram trabalhar como garçonete,  mas elas já vieram com emprego garantido do Brasil e tinham o salário acima da média para alguém que trabalha no setor de serviços. A grande maioria dos brasileiros que eu conheço têm algum tipo de apoio ou segurança: cônjuge, do contrato de trabalho, bolsa de estudos ou  dinheiro que recebem dos pais.

É difícil conseguir emprego na Eslovênia?
Vários são os fatores implicados nesta pergunta:
. Será que seu diploma será legalizado no país? O meu foi, mas se você estudou odontologia, medicina, direito, história… pode encontrar dificuldades no processo de legalização.
. Para um estrangeiro trabalhar na Eslovênia ele precisa ter autorização. Algumas profissões não podem ser exercidas se o candidato ao cargo não tiver conhecimento do idioma esloveno. Alguns cargos na área de educação, na área de assistência social e da saúde, por exemplo, exigem  dos candidatos certificados de conhecimento em legislação eslovena e essas provas são realizadas no idioma esloveno.
. Os eslovenos têm acesso gratuito à faculdade, têm 9 anos de estudo de inglês na grade curricular. Além disso, eles aprendem  durante a vida escolar mais um outro idioma que pode ser italiano, espanhol, alemão, francês... Ter faculdade e inglês fluente não é um requisito que necessariamente valorizará seu currículo frente a outros candidatos eslovenos. Experiência sim.
. A Eslovênia tem pouco mais de 2 milhões de habitantes, aqui há menos indústrias que o Brasil, consequentemente, na crise, menos oportunidades de emprego. A TV anunciou nesta semana que a taxa de desemprego na Eslovênia subiu para 12,9%.
. Indicação de pessoas para emprego é também uma prática comum na Eslovênia, quanto mais contatos e amigos tiver aqui, mais fácil será adquirir um emprego aqui.

Quanto é o custo de vida na Eslovênia?
Não sei, o custo de vida depende do estilo de vida de cada um. Uns são vegetarianos, outros não se importam de comer todo dia fast-food, uns gostam de comprar sapatos, outro não abrem mão de usar o carro. Esta é uma pergunta muito ampla, vou falar apenas dos itens básicos.
É bem mais caro morar em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Brasília do que morar em Liubliana.  Na Eslovênia é mais barato a taxa de condomínios, a internet, a energia, a água, os produtos eletrônicos, os carros, as taxas de juros são mais baratas, o preço da gasolina é 1,50 euro o litro. A comida é do que no Brasil. Os alugueis depende. Depende do tipo de casa, do local onde você mora.

Gasto médio da família dos meus amigos, eu não pago aluguel.

– Aluguel (apto 1 quarto, cozinha e sala) em Liubliana – 500 – 600 euros. Não tenho ideia do quanto é um apto com 2 quartos em Liubliana.

– Gasto com aquecimento, energia, água e TV – 200 euros
– Gasolina – 200 euros
– Mercado – 500 euros
– Escola – Aqui paga-se creche até os 5 anos. Mas a mensalidade varia de acordo com a renda dos pais. – 180 euros
– Plano de saúde – É mais caro para estrangeiros. + que 150 euros

Existem os custos com seguro de carro e outras taxas a serem pagas anuais.

Um estudo foi feito comparando os salários da população e o preço pago por esta com aluguel. Neste caso, morar na Eslovênia pode custar o mesmo que morar em Paris! Como os salários eslovenos são baixos (a média salarial no país é de 900 euros), uma pessoa que ganha por exemplo 1000 euros terá dificuldade em pagar sozinha um apartamento que custa 500,00 euros  (preço médio do aluguel de um apartamento com apenas um quarto em Liubliana), mais gastos com comida, gasolina, alimentação, aquecimento, plano de saúde, etc. Lembre-se os planos de saúde para estrangeiros custam muito mais caro do que para os eslovenos. E se você quer ter acesso ao sistema de saúde, precisa pagá-lo.  Um amigo brasileiro, estudante, paga 150 euros por mês para ter o plano de saúde esloveno. Um  outro casal de amigo (ele é jogador de futebol, disse que paga ainda mais caro: 700 euros todo mês para ele, a esposa e os 5 filhos terem plano de saúde!) Eu que sou casada com esloveno pago 29 euros. Por isso, afirmo,  a vida pode ser cara para um estrangeiro que decide morar aqui sem estar casado com um(a) esloveno(a).

Possíveis dificuldades?
Há muitos eslovenos procurando emprego. Apesar dos baixos salários, todo o setor público esloveno sofreu cortes salariais em 2011. Não posso afirmar que uma pessoa terá dificuldade em conseguir emprego aqui, também seria incorreto afirmar que conseguirá trabalho facilmente. Tudo depende do seu currículo, da sua experiência profissional, são inúmeros os fatores.  Penso que seria prudente tentar conseguir emprego antes de morar na Eslovênia. Não falo isso apenas pelo risco de não conseguir emprego, mas também porque o que o visto de turismo tem a duração de 3 meses e quem quer estar na Eslovênia por mais tempo, precisa ter  visto de emprego ou de estudo. Lembre-se é necessário obter estes tipos de vistos ANTES de vir morar na Eslovênia! Não adianta vir com o visto de turista e pensar que depois poderá solicitar o visto de trabalho ou estudante. Isto não é possível! Conheço dois casos em que a pessoa que tinha visto de turismo precisou voltar ao Brasil para solicitar o visto de trabalho.

Considero como outra  dificuldade de morar na Eslovênia a aprendizagem do idioma.  Já escrevi vários posts sobre o tema. O idioma é parecido com o russo, mas é mais antigo e gramaticalmente mais difícil. Há pessoas com talento que conseguiram falar fluentemente esloveno após morar aqui 18 meses. Mas por outro lado conheço uma mulher que mora aqui há 10 anos e não fala esloveno! A maioria dos latinos disseram que levam entre 3 a 5 anos para entender o idioma.

A outra dificuldade é o frio. A Eslovênia é linda no verão e na primavera. Mas lembre-se aqui usamos roupas de frio 9 meses por ano. Muitos são os dias sem sol, sem verde e com O estilo de vida dos eslovenos muda durante o inverno. Não há tantas pessoas nas ruas, o dia é curto. Muitas pessoas, vindas de diferentes países com clima tropical,  disseram-me que sentiam-se tristes neste época do ano. Os psiquiatras chamam isso de depressão sazonal de inverno.

Também as dificuldades são um tema subjetivo, há aqueles que adaptam-se ao frio, à mudança do estilo de vida, que aprendem o idioma com facilidade e há aqueles que não. Conheci estrangeiras, esposas de eslovenos, que tiveram tanta dificuldade para adaptar-se a nova vida, que decidiram retornar ao país onde nasceram. Eu tenho dificuldade em aprender o idioma, percebo que no inverno sinto-me mais irritada. Não gosto dos dias sem sol, mas considero que as dificuldades ainda não superaram o prazer que eu sinto em morar aqui.  Mas meu prazer, também é subjetivo, ele está ligado à minha história de vida, ao bem que meu marido me faz, ao valor que dou para a segurança e para a felicidade que sinto por ter acesso rápido e barato a natureza limpa e preservada.

10 Respostas para “Quero me mudar para Eslovênia! Quanto é o custo de vida? Eu encontraria emprego? Quais são as dificuldades?

  1. Oi Juliana, ainda esta por ai? eu adorei a Eslovenia, mas tenho q agradar minha esposa e 3 filhos, tenho cidadania italiana mas queria algo mais tranquilo, somos todos loiros de olhos claros, e achei q os eslovenos combinam com nossas caracteristicas, minha intenção por ai seria comprar um sítio, talvez abrir uma lojinha, viver com isso e/ou uma ajuda de renda que tenho aqui no brasil, só temo pelos meus filhos, eles teriam escola publica e assistencia médica? (creio q sim, temos cidadania italiana) bom seria isso, vejo a Irlanda tbm, e minha esposa e pai olham para Italia, qual seria melhor pra minha familia em sua valiosa opinião? obrigado e td de bom!

    • Olá Klaus
      Desculpe a demora para te responder, ando bastante ocupado.
      Até eu sei seus filhos mesmos sendo estrangeiros teriam direito ao ensino público. Sobre o sistema de saúde, sei que a taxa é maior para estrangeiros, também os que são cidadãos na união europeia. Você poderá obter maiores informações no site http://www.zzzs.si/indexeng.html e também através do email kzz@zzzs.si, se escrever em inglês eles te responderão.
      Um abraço

    • A Embaixada da Eslovênia em Brasília pode responder esta informação com clareza. Até onde eu sei, você precisa ser contratado por uma empresa eslovena, e o contrato de trabalho deverá ser avaliado no pedido de visto que você deve tirar antes de vir para cá.

    • Fala sério? Pelo amor que pergunta. E daí que sua família e loira? Kkk cada uma que dá preguiça

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s