21 meses na Eslovênia!

Acabei de ler meus antigos posts sobre como era a minha vida na Eslovênia. Não pude deixar de rir. Como eu reclamava! Eu tive o azar de chegar na Eslovênia na mesma época em que ela sofreu o inverno mais rigoroso dos seus últimos 25 anos!

Tive sorte também! Mudei-me para a costa eslovena e aqui o inverno é  mais ameno. Em Koper teve apenas dois dias em que as  temperaturas foram negativas (-2 graus). Na maioria dos dias a temperatura fica entre 4 e 10 graus.  A neve só caiu durante uma noite.

Aqui eu não usei casacos e botas pesadas, não precisei usar meia-calça grossa embaixo da calça.

Na costa eslovena chove menos e há mais dias ensolarados em comparação à  Jezero (vilarejo próximo à  capital eslovena). A vegetação nesta região também é diferente.  Há algumas árvores que mantém suas folhas mesmo durante o inverno e  aqui não há tanta neblina.

Difícil são os ventos fortes, que podem ultrapassar os 100 km por hora! Mas foram poucos os dias que houveram tais ventos. Estes ventos, na auto-estrada, podem fazer com o carro perca a estabilidade.

Após 21 meses morando na Eslovênia eu já consigo entender a maior parte do que pessoas falam (se estas falarem devagar e usarem palavras usuais). Eu já consigo me fazer ser entendida.

Agora, a minha maior dificuldade já não é mais o inverno e sim o idioma, mas para este é preciso paciência e dedicação e tenho estudado todos os dias.

A Eslovênia faz tempo que  mora em meu coração! Na verdade foi amor à primeira vista.

Gosto de viver aqui! Gosto desta vida tranquila, deste país pacífico, da natureza preservada, dos rios com  águas limpas e das lindas paisagens que muitas vezes me fizeram perder o fôlego. Acima de tudo gosto de viver em um país menos desigual!

Do Brasil, tenho uma doce saudade…